• PIBJPA | Devocionais

Jó: desafio ao entendimento


"Ao terminar de dizer essas coisas a Jó, o SENHOR disse a Elifaz, o temanita: Estou irado contigo e com os teus dois amigos, pois não falastes a verdade a meu respeito, como fez o meu servo Jó." Jó 42.7



Os comentaristas concordam que o livro de Jónão oferece um explicação objetiva sobre o sofrimento do  justo. Se podemos imaginar uma resposta, essa não será pela via da Teologia. O que nos resta é concluir que a melhor resposta, está em crer num encontro verdadeiro entre o justo sofredor com Deus.

Somente quando cremos que Deus é consolador, e que, com sua presença pessoal, cuida, vela; pode nos oferecer segurança na graça e propósito delepara nossa vida. Deus, de fato, envia o seu Espírito Santo que é consolador e ajudador. Mas é preciso crer. O crer de Jó, evoluiu desde o falar o que não sabia até poder dizer que, agora, seus olhos 0 viam, tamanha era a certeza que ele até "via".

Essa confiança, que passamos a ter, é resultado do ensino desse Santo Espírito que trabalhou em nosso coração crédulo, isto é, disposto a crer.

Seus amigos foram reprovados, Teologia e doutrina falsas, também  o sofrimento não era castigo por nenhum pecado especifico. Também aprendemos que Deus não faz troca. Jó: um grande desafio.


Pr. Elias Werneck


Oração.png

Filiada às convenções

CBBbranco.png
CBCbranco.png

© Primeira Igreja Batista em Jacarepaguá 2020