• PIBJPA | Devocionais

Adorar e viver


"Ó homem, ele te declarou o que é bom. Por acaso o SENHOR exige de ti

alguma coisa além disto: que pratiques a justiça, ames a misericórdia

e andes em humildade com o teu Deus?" Mq 6.8



​Podemos dizer que o profeta Miquéias nos dá aqui, de modo sintético, mas eficiente, um modelo para orientar-nos em nossa fidelidade para com Deus. Ele estabelece um confronto entre o modelo religioso ritualista, pomposo e luxuoso, mas sem correspondência interior e prático, com o verdadeiro sentido de adoração.

​Muito interessante essa correspondência entre adoração, vida religiosa, e correspondência pragmática. Levantam-se aqui três coisas necessárias para que Deus aceite nossa adoração:1. As pessoas deveriamagir com justiça e imparcialidade; 2. demonstrar compaixão e misericórdia aos necessitados; 3. manter, diante de Deus o estado de humildade e piedoso temor.

​Deus não muda e o que ele pediu "ontem" ainda pede hoje e se não for assim, nossa adoração será rejeitada. Adoração mística,sem correspondência em nossos atos diários,Deus, não aceita. Mais: reprova, rejeita.

​Adorar ao Senhor é, também, viver uma vida que lhe agrade.


Pr. Elias Werneck


Oração.png

Filiada às convenções

CBBbranco.png
CBCbranco.png

© Primeira Igreja Batista em Jacarepaguá 2020